O Primeiro Ensaio Clínico Low-Carb vs. Low Fat da História

Incontáveis passagens bíblicas entrecruzam o tema da Religião e de algumas práticas alimentares. Nesta postagem, vamos explorar o que nos diz o livro do profeta Daniel (Dn 1:1-16).

O trecho narra o episódio em que Nabucodonosor selecionou jovens filhos de Israel para assistirem no palácio do rei, durante o sítio babilônico. O rei determinou-lhes uma ração composta de carne e vinho, consideradas iguarias. Daniel, que não queria se contaminar com a comida real, recusou-a. A “contaminação” a que o Livro se refere devia-se ao fato das carnes não serem  apropriadas segundo a tradição judaica (cf. Levítico) e do vinho ser usado muitas vezes como oferecimento aos ídolos.

Sua recusa porém exporia o chefe dos eunucos, então incumbido de cuidar bem dos israelitas. Caso estes parecessem aos olhos do rei com os “rostos mais tristes” que os demais jovens de outras nações – o que poderia ser entendido como maus tratos – o chefe dos eunucos poderia ser penalizado.  Severamente penalizado.

Daniel propôs então um ensaio clínico controlado. Ao futuro profeta e a amigos israelitas seriam servidos – sem o conhecimento do rei – apenas de legumes e água. Para os demais jovens de outras nações, seriam servidas as iguarias do rei. Os grupos INTERVENÇÃO  (legumes + água) e CONTROLE (carne + vinho) seriam comparados ao fim de dez dias.

Passado o período de exposição, o chefe dos eunucos retornou para comparação entre os grupo.  Ele observou que os jovens israelitas “estavam mais gordos de carne do que todos os jovens que comiam das iguarias do rei“.

Provavelmente este é não apenas um dos primeiros ensaios clínicos controlados da história: é também o primeiro estudo a avaliar comparativamente intervenções… low carb vs. low fat.

——-

Notas: 1) Icone de São Daniel, da Arquidiocese Ortodoxa Grega da América; 2) trecho extraído do portal www.bibliacatolica.com.br/biblia-ave-maria (Ed. Ave Maria)